quinta-feira, 30 de abril de 2009

Revolução da Colher



Abandone o garfo e a faca. Use a colher para se alimentar.

Entenda isso vendo este vídeo.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Ron-ron do gatinho



"O gato é uma maquininha
que a natureza inventou;
tem pêlo, bigode, unhas
e dentro tem um motor.

Mas um motor diferente
desses que tem nos bonecos
porque o motor do gato
não é um motor elétrico.

É um motor afetivo
que bate em seu coração
por isso ele faz ron-ron
para mostrar gratidão.

No passado se dizia
que esse ron-ron tão doce
era causa de alergia
pra quem sofria de tosse.

Tudo bobagem, despeito,
calúnias contra o bichinho:
esse ron-ron em seu peito
não é doença - é carinho."

Ferreira Gullar /música Beto Sol

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Teresina, ter é sina?

Teresina é logo ali
pra quem olha da lua
vou mandar meu coração pra lá
quem sabe fica mais perto
de alguém que mora ali

Teresina é logo ali
um pedaço do Brasil
tem seu encanto e beleza
até pensei em morar lá
com alguém que mora ali

Teresina é logo ali
meu coração já esteve por lá
agora volta de novo
minha sina é se apaixonar
por alguém que mora ali

Teresina é logo ali
2.700km de ônibus
tantas horas de avião
mas, iria até a pé
ver alguém que mora ali

Teresina é logo ali
vou parando por aqui
de tantas rimas com i
quero mesmo estar ali
em Teresina do Piauí
losoteb

Te amar desse jeito


Amor meu,
Tanto pra falar
Tanto pra viver
Tanto pra sentir
Mas, com você.
Vou regando desse jeito
Pra crescer, o nosso amor
Molhando com imaginação
Alimentando com paixão
Vai crescendo o sentimento.
Mas, busco na razão
Uma explicação para o que sinto
Para te amar desse jeito.
Não encontro e nem precisa
Porque razão e emoção
Estão juntos um no outro
Como nós estamos
Nós em você e nós em mim.
losoteb

Amar


Quero te dedicar
Todos os versos que encontrar
Todas as músicas e poesias
Que falam de amor.
Quem não ama
Não escuta, não reconhece...
Uma bela poesia ou uma música
Que fala de amor.
Aconteceu comigo
A cada dia percebo
Uma velha música
A beleza, a poesia
As palavras e sentimentos
Quem não ama não percebe...
Viva o Amor!
Que faz tantos poetas
Fez de mim poeta
Cantor, compositor
De todas as mais lindas canções
E poesias que falam do amor.
Amar é poetar, é cantar, é compor
Amar é bom demais
É ser vários em um só
É criar, expandir
E porque amar é tudo isso
Eu amo te amar.
losoteb

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Esta manhã...

sai para passear nos meus pensamentos
colhi várias palavras e fiz este buquê de poesia
para te dar como bom dia!
Vi palavras bonitas e perfumadas de significados.
Vou mostrar as palavras que colhi:
flores – que lembram você por sua beleza e alegria
sol – como seu olhar curioso e profundo
relva – perfumada como o rastro que deixa por onde passa
finalmente o céu – com todo o amor que existe em ti
que quero todinho pra mim.
|losoteb|

quarta-feira, 1 de abril de 2009

GAIA


http://pt.wikipedia.org/wiki/Hip%C3%B3tese_de_Gaia

A Hipótese de Gaia, também denominada como Teoria de Gaia, é uma tese que sustenta ser o planeta Terra um ser vivo. A hipótese foi apresentada em 1969 pelo investigador britânico James E. Lovelock, afirmando que a biosfera do planeta é capaz de gerar, manter e regular as suas próprias condições de meio-ambiente. Para chegar a essas conclusões, o cientista britânico, juntamente com a bióloga estadunidense Lynn Margulis analisaram pesquisas que comparavam a atmosfera da Terra com a de outros planetas, vindo a propor que é a vida da Terra que cria as condições para a sua própria sobrevivência, e não o contrário, como as teorias tradicionais sugerem. O nome Gaia é uma homenagem à deusa grega Gaia, da Terra. Vista com descrédito pela comunidade científica internacional, a Teoria de Gaia encontra simpatizantes entre grupos ecológicos, místicos e alguns pesquisadores. Com o fenômeno do aquecimento global e a crise climática no mundo, a hipótese tem ganhado credibilidade entre cientistas.

- Gaia, Géia ou Gê era a deusa da Terra, como elemento primordial e latente de uma potencialidade geradora quase absurda. Segundo Hesíodo, ela é a segunda divindade primordial, nascendo após Caos.
Tal como Caos, Gaia parece possuir uma natureza forte, pois gera sozinha, Urano, Pontos e as Montanhas. Hesíodo sugere que ela tenha gerado Urano com o desejo de se unir a alguém semelhante a si mesma em natureza. Isso porque Gaia personifica a base onde se sustentam todas as coisas, e Urano é então o abrigo dos deuses "bem-aventurados".

- Pacha Mama, do quíchua Pacha ("universo, mundo, tempo, lugar") e de Mama ("mãe"): "Mãe terra" , é a deidade máxima dos Andes peruanos, bolivianos, do noroeste argentino e do extremo norte do Chile.

Pacha Mama é uma Deusa, que produz, que engendra. Sua morada está no Carro Branco (Nevado de Cachi), e se conta que no cume há um lago que rodeia uma ilha. Esta ilha é habitada por um touro de chifres dourados que ao mugir emite pela boca núvens de tormenta.
O mito de Pacha Mama referia-se primitivamente ao tempo, talvez vinculada de alguma forma com a terra: o tempo que cura as dores, o tempo que distribui as estações, fecunda a terra. Pacha significa tempo em linguagem kolla, porém com o transcurso dos anos, as alterações da língua, e o predomínio de outras raças, terminou confundindo-se com a terra.
Dia primero de agosto é o dia de Pacha Mama. Nesse dia se enterra em um lugar próximo da casa uma panela de barro com comida cozida. Também se põe coca, yicta, álcool, vinho, cigarros e chicha para alimentar Pacha Mama. Nesse mesmo dia deve-se pôr cordões de fio branco e preto, confeccionados com lã de lhama enrolando-se à esquerda. Estes cordões se atam nos tornozelos, nos pulsos e no pescoço, para evitar o castigo de Pacha Mama.